segunda-feira, 21 de maio de 2012

Pra não dormir de noite: Os 15 melhores filmes de fantasmas

  Depois de um longo e tenebroso verão, o Tatu reaparece para mais uma listinha. Tirei uns dias para colocar os meus queridos filmes de terror em dia. Pra quem conhece o gênero, sabe que tem muita coisa trash por aí. Alguns são tão forçados que parecem até comédia. Minha surpresa foi que tá rolando uma excelente safra por aí. Daí me empolguei e resolvi fazer uma listinha com os 15 (nunca consigo fazer 10) filmes que mais me agradam e que envolvam fantasmas. Nada de serial killes, serras elétricas, tripas e afins. Esses títulos são de puro suspense, envolvem o sobrenatural e com ótimas histórias. Tentei conseguir os trailers, mas não consegui as melhores "amostras" rsrs. É o que temos para o momento.
  Divirtam-se, opinem e confiram os filmes,

15º) ROSE RED - A CASA ADORMECIDA (2002)

Um grupo de pessoas com poderes psíquicos é convidado a passar a noite em uma casa assombrada. - Rose Red não é um filme e sim uma minissérie. No início dos anos 2000, Stephen King e Steven Spielberg resolveram se juntar pra criar um filme de terror. A dupla se desentendeu e cada um seguiu com seu projeto. Spielberg fez o péssimo A Casa Amaldiçoada, e King realizou Rose Red. Apesar de alguns exageros e do tempo do DVD, que pode se tornar cansativo, a história da casa que se constrói sozinha e se alimenta do medo e dos poderes psíquicos dos outros consegue prender a atenção. O elenco conta com ótimas participações de Nancy Travis como a Doutora Joyce Reardon, responsável pela experiência na casa, e de Julian Sands, ator cult dos anos 90, como Nick Hardaway, um dos paranormais. Vale conferir a performance de Matt Ross (do elenco de Amercian Horror Story) como Emery, um rapaz controlado pela mãe e que vive tendo visões do além.






13º) ENTIDADE PARANORMAL (2009)


"Prepare-se para ver o que é supostamente o 'cenas reais' dos eventos sobrenaturais que antecederam o assassinato de Samantha Finley (Erin Marie Hogan). Lançado contra a vontade das autoridades, este DVD prova que nada de humano causou a morte de Samantha" - Mais um daqueles filmes câmera na mão que tentam dar um ar de documentário à história. Esse tipo de produção ganhou espaço em 1999 com o ótimo A Bruxa de Blair (que poderia estar nessa lista) e que acaba de ter um revival com a série Atividade Paranormal. Sem apresentar nenhum tipo de novidade, Entidade Paranormal segue a fórmula do sucesso, mas ganha de Atividade Paranormal no quesito ação. Além disso, alguns acontecimentos soam bem perturbadores, como na passagem em que a família encontra pegadas humanas no teto da sala. Suspense no ponto certo e sustos garantidos.







13º) O ORFANATO (2007)


Uma mulher (Belén Rueda) leva sua família de volta para sua casa de infância, onde ela abre um orfanato para crianças deficientes. Pouco tempo depois, seu filho (Roger Príncep) começa a se comunicar com um novo amigo invisível. - O filme, uma co-produção entre México e Espanha, conta com a assinatura de Guillermo Del Toro como produtor executivo. Não há como não se sentir incomodado com filmes de horror envolvendo crianças. Nesse, um dos amigos invisíveis do pequeno Simon, veste um horrível capuz, criando uma atmosfera ainda mais tenebrosa. A casa é outro elemento importante no clima da produção. Uma amostra de que o cinema americano precisa se reciclar e prestar atenção no que é feito fora do seu circuito comercial. Também vale destacar as presenças de Geraldine Chaplin (filha de Charles Chaplin) e Edgar Vivar (O Senhor Barriga de Chaves) como membros de um grupo de pesquina paranormal.







12º) A PROFECIA DOS ANJOS (2004)


Uma mulher problemática é enviada para uma região afastada da França para limpar um velho e desativado orfanato. Chegando ao local, ela descobre que não está sozinha e que o orfanato não está tão solitário e desativado quanto achava. Lá ela encontra uma das internas que ainda vive no local, junto com a antiga cozinheira. Tudo o que aparentava normalidade vai se transformando conforme estranhos acontecimentos se sucedem. A mulher passa a achar que está sendo perseguida e começa a duvidar de sua própria sanidade. Ao mesmo tempo, a cozinheira também pensa que a hóspede está ficando completamente louca. Para descobrir o que realmente está acontecendo, a hóspede vai mergulhar em segredos dos quais jamais imaginou e vai descobrir que certas coisas estão muito além de seu alcance. - Filme francês que, apesar da história de horror, mantém um ritmo lento, quase angustiante, o que contribui para a produção. Muito parecido com O Orfanato, mas ainda assim vale a pena ser visto.







11º) HORROR EM AMITYVILLE (1979)


Em 1974, o jovem Ronald Defeo assassinou a sangue frio os pais e os quatro irmãos no nº 112 da Ocean Avenue, em Amityville. No julgamento, o rapaz disse ter feito isso a mando de vozes incorpóreas. Alguns meses depois, a família Lutz se muda para a casa, na qual só consegue ficar por 28 dias devido aos estranhos e assustadores fenômenos paranormais que acontecem no local. - A história de Amityville, um suposto caso real, virou livro nas mãos de Jay Anson, se transformou em best seller e acabou nas telas dos cinemas, em uma franquia de gosto muito duvidoso. Apenas o primeiro filme, o mais fiel ao livro, vale ser conferido. Situações assustadoras e um clima crescente de medo fazem de Horror em Amityville um clássico para os fãs do gênero. A produção conta com Margot Kidder (a aterna Louis Lana de Superman), como Kathy Lutz. Nos anos 2000, um remake foi feito, mas bem distante da história original.  Além de conferirem o filme, também recomendo que procurem o livro nos sebos. Garanto algumas noites sem dormir.







10º) DESAFIO DO ALÉM (1963)


Dr. Markway (Richard Johnson), fazendo uma pesquisa para provar a existência de fantasmas, investiga Hill House, uma mansão grande, estranha, com uma história sinistra de morte violenta e insanidade. Com ele está o cético jovem Luke (Russ Tamblyn), que está para herdar a casa, a misteriosa e clarividente Theodora (Claire Bloom) e a insegura Eleanor (Julie Harris), cuja capacidade psíquica faz com que se sinta de alguma forma em sintonia com os espíritos que habitam a velha mansão. Com o tempo, torna-se óbvio que eles se tornaram mais fortes do que se esperava, com a presença fantasmagórica da casa se ​​manifestando de maneiras terríveis e mortais. - Baseado no romance O Fantasma da Casa da Colina, de Shirley Jackson, Desafio do Além (uma péssima tradução para o original The Haunting), é um excelente exemplo de filme calcado no terror psicológico. Impossível escapar da sensação de claustrofobia que envolve os personagens, isolados na casa da colina. Vale ressaltar a ousadia do filme ao insinuar um interesse homossexual entre as personagens Eleonor e Theodora. Nos anos 90, Steven Spielberg refilmou esse clássico com o título A Casa Amaldiçoada, mas deixou a história de lado, focando apenas nos efeitos especiais grandiosos, transformando essa ótima história em um grande e enfadonho parque de diversões. Desafio do Além foi dirigido pelo legendário Robert Wise, que também assinou os clássicos A Noviça RebeldeAmor, Sublime Amor.







9º) O SEXTO SENTIDO (1999)


Um jovem (Haley Joel Osment) que se comunica com espíritos que não sabem que estão mortos pede a ajuda de um psicólogo infantil (Bruce Willis) desanimado com os rumos de sua vida. - O Sexto Sentido não chega a ser um filme de horror, mas se encaixa perfeitamente no tema do post, já que fala de fantasmas e do sobrenatural. A produção foi uma das responsáveis pelo revival do gênero no final dos anos 90 e início dos 2000. Sem pregar grandes sustos, mas com uma trama bem amarrada, o filme mostra os mortos não como uma ameaça aos vivos, mas como seres que, muitas vezes precisam de ajuda. Em O Sexto Sentido não existe nenhuma ameaça fantasmagórica. O conflito se dá no fato do psicólogo tentar fazer com que o menino aprenda a conviver com suas visões. O grande trunfo do enredo é envolver o público em uma trama que só é revelada nos momentos finais. Hoje pode ser considerado um final comum, mas na época, chamou a atenção pela originalidade. Além das ótimas atuações de Bruce Willis e haley Joel Osment, vale destacar a presença de Toni Collete (do delicioso O Casamento de Muriel), como a mãe do garoto.







8º) OS INOCENTES (1961)


Na Inglaterra vitoriana, Miss Giddens (Deborah Kerr) é contratada para cuidar, com total independência, de um casal de crianças em uma afastada casa de campo. Logo após sua chegada, começa a acreditar que os espíritos da ex-governanta e de um antigo empregado estão possuindo as crianças. Miss Giddens decide ajudá-los a enfrentar e exorcizar os espíritos. - Um clássico do gênero, Os Inocentes também faz parte da linha do terror psicológico. A fotografia em preto e branco e o cenário afastado, colaboram no clima angustiante da história. Deborah Kerr, ainda linda, brinda o público com ótima interpretação. A ousadia do roteiro é tanta que insinua que as crianças, possuídas pelos espíritos (que eram amantes), tem conversas e atitudes sexuais. Muitos acham o filme lento, o que é verdade se comparado aos filmes de horror atuais, mas quem conseguir embarcar na atmosfera, terá diversão das boas.





7º) A CASA DA NOITE ETERNA (1973)


Uma equipe formada por um físico (Clive Revill), sua esposa (Gayle Hunnicut), uma jovem vidente (Pamela Franklin) e o único sobrevivente da visita anterior (Roddy McDowall) são enviados para a casa Belasco, notória mansão assombrada e fechada há vários anos, para provar ou refutar a existência de vida após a morte. Os visitantes anteriores foram mortos ou enlouqueceram, e cabe à equipe, passar uma semana inteira, em total isolamento no lugar. Resta saber se conseguirão sobreviver. - Um dos filmes mais emblemáticos dos anos 70 e talvez do gênero horror. Uma deliciosa história que, mesmo partindo do batido tema (não na época) de grupo de estudos paranormais trancado em uma casa, consegue ser incrivelmente assustadora, mesmo com as difíceis condições da época. Na verdade, esse parece ser a grande vantagem em relação aos filmes que vieram depois, cercados de efeitos especiais. Como não havia condições de efeitos mirabolantes, os filmes de horror se agarravam à trama e à direção. Nessa produção, a casa é praticamente uma personagem, nos dando a impressão de estar sempre à espreita, observando tudo. Impossível não se sentir perturbado.






6º) A MULHER DE PRETO (2012)


Um jovem advogado (Daniel Radcliffe, the Harry Potter), lutando com o trabalho após a morte de sua esposa, é enviado para uma remota vila no interior da Inglaterra para liquidar a propriedade de uma excêntrica mulher falecida, dona de uma mansão. Os moradores da vila querem que ele vá embora, como se tentassem esconder um segredo mortal, mas o rapaz se recusa. Logo descobre que a casa de sua cliente é assombrada pelo fantasma vingativo de uma mulher vestida de preto - Excelente filme de fantasmas da nova safra. O tempo inteiro, nos sentimos como se estivéssemos na frente de uma lareira, ouvindo uma história de terror em uma noite escura. Isolado na casa, o jovem advogado vai sendo sufocado pelo ambiente. Sons, aparições na visão periférica e descobertas sobre o passado do lugar vão se tornando cada vez mais palpáveis, levando a vários pontos altos. História bem amarrada (com base no romance de Susan Hill), muito bem dirigida (James Watkins) e com excelente direção de arte, A Mulher de Preto tem tudo para agradar os fãs do gênero.







5º) A CASA DAS ALMAS PERDIDAS (1991)


A mudança da uma família para a nova casa dá início a uma série de acontecimentos sobrenaturais. Aos poucos eles descobrem que o lugar é atormentado por três espíritos e um demônio. O demônio quer destruir a família que , em constante desespero, eles começam a procurar ajuda para se livrarem das assombrações. - Filme de ótima qualidade feito para a televisão. Apesar de ser uma produção barata, A Casa das Almas Perdidas não fica devendo nada às grandes produções. Como todo bom filme de horror, a grande graça desse filme é o ritmo dos acontecimentos. As coisas vão acontecendo aos poucos, de forma verossímel, dando um tom de realismo à história. Aliás, A Casa das Almas Perdidas é outro filme supostamente baseado em uma história real. 






4º) O DESPERTAR (2011)


Em 1921, a Inglaterra está esmagada e em luto pela primeira guerra mundial. Florence Cathcart (Rebecca Hall), famosa por desmascarar falsas reuniões espíritas,  visita uma escola para explicar os avistamentos de uma criança fantasma. Todas as crenças de Florence serão colocadas em dúvida diante dos estranhos fatos que ocorrem em sua estadia na escola. - Essa produção da BBC mostra que os britânicos estão se especializando em filmes de horror. O roteiro, muito bem escrito e cheio de viradas, prende o público do início ao fim. Sem "climões" ou sustos desnecessários, O Despertar deve agradar não apenas aos fãs de filmes de horror. Além de Rebecca Hall, a produção conta com ótimas interpretações de Dominic West, Imelda Stauton (a Dolores Umbridge de Harry Potter) e do menino Isaac Hempstead Wright (da série Game of Thrones).






3º) A ESPINHA DO DIABO (2001)


Aos 12 anos de idade, durante a Guerra Civil Espanhola, Carlos (Fernando Tielve) é abandonado no decadente orfanato de Santa Lúcia, que é dirigido pela aleijada Carmen (Marisa Paredes) e pelo misterioso professor Casares (Federico Luppi). Além de ser recebido com hostilidade e violência pelas outras crianças e pelo cruel funcionário Jacinto (Eduardo Noriega), as escuras dependências da nova casa representam horror e mistério para o garoto. Até que ele recebe a visita do fantasma de Santi (Junio Valverde), um menino que foi brutalmente assassinado na instituição que implora alívio para seu tormento e, mais tarde, alerta para a iminência de uma desgraça. Por fim, o espírito pede a Carlos que execute uma terrível vingança. - Sem dúvida alguma, um dos melhores filmes de horror já feitos. O ponto de partida do orfanato assombrado se tornou recorrente graças a essa produção espanhola dirigida por Guillermo del Toro. Os fãs do cinema espanhol ainda podem se deliciar com a maravilhosa interpretação de Marisa Paredes. Eduardo Noriega também se destaca como o mau caráter Jacinto. Filme indispensável.






2º) OS OUTROS (2001)


Uma mulher chamada Grace (Nicole Kidman) se muda com os dois filhos (Alakina Mann e James Bentley) para uma mansão na Ilha de Jersey, no final da Segunda Guerra Mundial, onde vai esperar o marido voltar da batalha. As crianças têm uma doença rara que as impede de entrar em contato com a luz do sol. Vivendo sozinhos, debaixo de opressivas regras de conduta e de uma religiosidade acerbada, a rotina da família se transformará com a chegada de um grupo de empregados. Os novos serviçais escondem segredos que podem mudar para sempre a vida de Grace e das crianças. - Considero Os Outros uma bíblia entre os filmes de horror. Tudo ali está na medida certa. Algumas cenas são marcantes, como por exemplo a que Grace vai buscar a filha e vê uma velha em seu lugar, ou na que as cortinas são arrancadas no quarto das crianças. As sequências finais, com a ótima conclusão da trama, acontecem em ritmo alucinante, num crescente de suspense delicioso. Nicole Kidman dá um show no filme, num verdadeiro duelo com a veterana Fionnula Flanagan (Senhora Milles, a empregada). Medalha de prata que poderia ser ouro sem problema algum.







1º) O ILUMINADO (1980)


Um homem, seu filho e sua mulher se tornam os zeladores de inverno de um hotel isolado nas montanhas do Colorado. Danny (Danny Lloyd), o filho, tem visões perturbadoras do passado do hotel, usando um dom telepático conhecido como "O Iluminado". O pai, Jack Torrance (Jack Nicholson), um ex-professor alcoólatra que tenta escrever uma peça de teattro, aceita esse emprego como uma última oportunidade. Aos poucos, influenciado pelos fantasmas do Overlook hotel, Jack entra num processo de insanidade. Preocupada com os problemas do marido e tentando defender o filho do hotel, Wendy (Shelley Duvall) não imagina os horrores que a aguardam. - Talvez o mais clássico filme de horror. Dirigido por Stanley Kubric com roteiro baseado (mesmo que bem modificado) em um dos mais badalados romances de Stephen King, O Iluminado gela a espinha do espectador. Passagens inesquecíveis, como a da mulher na banheira, ou dos fantasmas das meninas no fim do corredor entraram para a história. Shelley Duvall criou uma Wendy Torrence frágil, contrastando com a personalidade forte e centrada do pequeno Danny (muito bem defendido por Danny Lloyd). Mas o filme é mesmo de Jack Nicholson, em um de seus melhores papéis no cinema. Destaque para o labirinto de grama na sequência final, uma metáfora sobre os meandros da mente humana.






Gostaram? Tem a sua própria listinha? Esqueci algum? 


Fontes
http://www.imdb.com/
http://www.interfilmes.com/

13 comentários:

  1. eu fiquei sabendo de um site de um filme de terror que se você vê não consegue dormir, pesquisa para min alguém e me responde com o nome do site

    ResponderExcluir
  2. Vc ja assistiu o filme "A Troca", produção americana, filmado em 1979, dirigido por Peter Medak, ator principal George C. Scott, acredito q deveria estar na sua lista de melhores

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. até hoje to procurando um filme de comédia que assisti na sessao da tarde de 1994, era assim: a protagonista ( acho que era Blyter Danner nao tenho certeza) vai visitar sua irma que um tipo de vidente e ve que a aurea dela nao está nada boa, logo em seguida ela morre engasgada com um bolinho e depois começa a aparecer como fantasma,acho que era mais ou menos assim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O nome do filme é "Está Sobrando uma Mulher", com Shelley Long.
      http://www.adorocinema.com/filmes/filme-126872/

      Excluir
  5. Adorei seu blog e com exceção dos Os Outros,O Iluminado- que são meus favoritos, e a Mulher de Preto,nunca assisti os demais, mas pretendo assistir a todas as suas indicações,uma vez que concordo com os seus comentários sobre esses filmes que já vi. Valeu!

    ResponderExcluir
  6. Tem 5 bons, o resto não curti. Deixo como recomendação A Possessão de David O'Relly a Citadel, e como dica número 1, assista sem sinopse ou trailer ^^

    ResponderExcluir
  7. Confira este lançamentos e outros em http://detudogratis.com/
    filme: http://detudogratis.com/baixar-terror-no-acampamento-2015/

    ResponderExcluir
  8. Gostei... Os Inocentes é um dos melhores, sem dúvida. Os Outros, O Iluminado... gosto muito de A Chave Mestra... O Orfanato, O Despertar e a Espinha do Diabo (este me surpreendeu muito) todos maravilhosos e fora da rotina dos EUA. Gosto também de A Revelação...

    ResponderExcluir
  9. estou procurando um filme de uma escritora que vai para uma cidade pequena, fica em uma casa que tem uma porta com desenho de uma rosa vermelha no sotão ela acha ela bonita e manda colocar no seu quarto, assim que ela faz isso ela começa a ver um fantasma de uma garotinha que pede sua ajuda pq tem um rapaz que tambem é fantasma que quer pegar ela e leva-la , começam a acontecer coisas sobrenaturais na casa ,ela pede ajuda de um cara que lida com o sobrenatural alguem sabe o nome quero muito ver novamente.

    ResponderExcluir
  10. estou procurando um filme que assisti a um tempo ja tipo uns 3 ou 4 anos, lembro que havia uma familia que se mudava para uma casa e tinha um quadro sinistro com 3 pessoas nele, e o pai começa a ficar louco procurando larvas na parece.. por fim as pessoas do quadro saem e a familia n pode ficar no escuro

    ResponderExcluir